quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Uma volta

Olha só, lá vem ela. Vem quebrando o vento com seus cabelos leves. Um sorriso sem cara, sem boca; não expressa. Não diz nada. Monalisa ficou para trás, parada no caminho já pisado. Um quadro lindo. Milimetricamente pintado. Pneus feitos com as duras penas dos anjos mais safados. Que anjo. Que pecado.

Freios? Pra quê? Pedais, mais e mais. A vida é para frente! Olhe além daquele horizonte. Sim, existe um lugar. Aqueles olhos são um bom motivo para ver um mundo melhor. Farois. Corpo vestido de luz. Quando ela passa, O Sol se deita, cansado de sentir inveja.

O poeta torto que vê, rouba, exagera. Mas não há sinestesia que resista. No frio do Norte. No calor do Sul. O mundo para até sua próxima volta. Sua revolta. A revolução, que não é tão vermelha e honesta quanto seus lábios inocentemente borrados.

A beleza sob duas rodas. Dê-me uma carona? Leve-me, eu sou leve, no seu coração alado.

(Ao som de: Dear Science - TV On the Radio)

14 comentários:

Jéssyca linda disse...

oooh que lindooo ;)
massa

Jéssyca disse...

esse poema eh feito pra luciana da novela? shhahshhahsa

Paula S disse...

Que bonito.
;)

leonardo antoniolli disse...

mastro das palavras, talvez se eu tivesso o dom de me expressar tão bem não teria tanta agressividade em meus textos.

como sempre, perfeito.

leonardo antoniolli disse...

mastro das palavras, talvez se eu tivesso o dom de me expressar tão bem não teria tanta agressividade em meus textos.

como sempre, perfeito.

LEANDRO disse...

Muito poetico. Bonito demais. Dá pra ver a moça passando...

Mila disse...

Ai, que lindo *-*
Tu escreve horrores de bem, falo mesmo *-*

.Mari. disse...

Perfeitamente possível visualizar a cena tão bem descrita! Ótimo entrosamento com as palavras! ^^

Anônimo disse...

http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=3788509065190805218

me. disse...

É realmente uma coisa que me intriga profundamente! MALDITA INCLUSÃO DIGITAAAAL :] eu só comentei aqui porque tem lugar pra comentar o nome do blog (Y) valeo

Anonima disse...

Acabou de ganhar o *Selo Beautiful Blogger*
Se quiser olhar e repassar, ta aqui:
http://humor-subliminar.blogspot.com/2010/02/1o-selinho.html

Paula S disse...

Não vai atualizar esta porra mais não? hahaha.

;)

Alessandra Santos disse...

"Quando ela passa, O Sol se deita, cansado de sentir inveja."

Achei tão bonito isso.

Gosto muito do seus jogos de palavras. Deste em especial, gostei da beleza, da leveza e da sua habilidade de usar as palavras. Até eu fiquei imaginando essa deusa!

"A vida é pra frente Olhe além daquele horizonte. Sim, existe um lugar."

Veio a minha mente a canção do Rei...

"Além do horizonte deve ter algum lugar bonito pra viver em paz..."

Sempre acreditando.

Até o futuro!

Bruno Costa disse...

A vida é pra frente. Isso é vanguarda! Parabéns pelo texto e pela inspiração. Desejaria que ela fosse real, mas se está escrito já é real, ao menos nessas linhas...