quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Ê vida

Hoje eu acordei atrasado pra cacete para ir trabalhar. Muito mesmo. Tão fora do horário que eu nem tive cara de usar o cartão de passagem da empresa no busão. Decidi que não ia perder dinheiro. Fui ao médico. O plano era: vou dizer que estou com dor de estômago, ele me dá um atestado, eu apresento no trampo e tenho a falta descontada. Eu sou um gênio.

No entanto, o mundo não é como desenhamos. Ele é mais feio. Muito mais.
Cheguei ao centro médico, lá eles usam umas luzes estranhas, todos ficam com cara de doente. Deve ser estratégia de marketing pra vender mais remédios. Cheguei à sala do Dr, falei que estava com dor de estômago e que tinha vomitado muito. Ele me examinou e descobriu uma gastrite dentro de mim. Que merda!

Ele me proibiu a Coca Cola, o café, a cerveja e as comidas de rua. Só faltou ele me mandar parar de ouvir música, de ver filmes, de ler os livros e de fazer sexo.

Tomara que minha mãe e meu patrão não leiam este antro de palavras perdidas.

Frase do dia: uma mentira bem misturada vira a mais pura verdade.

(Ao som de: A Place To Bury Strangers - Exploding Head)

4 comentários:

Bruno R. disse...

Hhahahaha. Q moleque fdp. Vamos ter um desfalque nas mesas de bar haha. Se fodeu, Malandro agulha, hushushus.

Duvido q vc fica sem cerva, rsrs.

Paula S disse...

Tu não vale nada, cara. Rsrs.
;)

taynara disse...

Você não é um gênio. HAHA

Chiavegatti disse...

hahhaa mais que merda....O senhor jisuis negão te castigou...