sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Indecente

Uma aluna do curso de turismo na UNIBAM foi para a faculdade com um vestido mais curto e por conta disso foi hostilizada por outros alunos. Centenas deles berravam um sonoro coro de: “Puta! Puta!”. A moça teve que sair da universidade escoltada pela polícia, ainda ao som de pesados adjetivos.

Será que a moça não pode mostrar seu parrudo par de coxas?

Essa barbárie me lembrou uma música de uma banda genial: Ultraje a Rigor. Vou deixar tio Roger falar: “Indecente é você ter que ficar despido de cultura. Daí não tem jeito quando a coisa fica dura. Sem roupa, sem saúde, sem casa, tudo é tão imoral. A barriga pelada é que é a vergonha nacional”.

Moralismo é de dar dó.

(Ao som de: Mundo Livre S/A – Samba Esquema Noise)

4 comentários:

Lipo J. disse...

moralismo é o fim do mundo. deixa a mulher mostrar o que quiser... a vida é dela, tem coisa muito pior acontecendo, coisa muito pior sendo mostrada, e ninguem se importa...

Aninha disse...

moralismo é o ô !!!!!!

Paula S disse...

Isso é uma vergonha! E o pior é q o vestido da moça nem era tão curto.
Conheço gente q usa coisa menor. Aí vem um monte de gente dizendo: -mas é pro bem dela, se ela sempre se vestir assim, ninguém vai respeitá-lá. Foda se. Ela se veste como quiser. Independente do q ela quer ou não. Cada um no seu quadrado.

Alessandra Santos disse...

Pura ignorância, hipocrisia, falta de respeito...Faltam-me palavras para descrever tamanho absurdo.